Sucesso profissional e pessoal com Coaching

05/03/2018

Parte I

O sucesso profissional, embora seja individual, é procurado por muitos, mas alcançado por uma parcela mínima das pessoas. Ele independe da área de atuação, idade, sexo ou qualquer outro fator do tipo, pois é um objetivo pessoal e único de cada um que o busca.

Enquanto para alguns o tal sucesso seja alcançar um nível salarial mais elevado, para outros pode ser um novo cargo, um novo emprego ou até mesmo um simples horário flexível para que possa conciliar o trabalho e a sua rotina, mas independentemente do que possa significar o sucesso, o fato é que muitos querem alcançá-lo.

Para alcançar tudo isso, seja qual for o propósito, é indispensável que haja um bom planejamento para a sua jornada profissional. Além disso, claro, fica mais fácil quando se tem foco e disciplina.

Se você pesquisar por aí, verá muito facilmente que grandes nomes do empreendedorismo de sucesso utilizaram do processo de Coaching para chegar onde se encontram hoje.

Mas como o Coaching consegue cumprir com todas as melhorias que são propostas?

Na verdade, o Coach, que é quem vai te guiar nesse processo, não vai lhe dizer propriamente o que você deve fazer, mas sim ajudar a descobrir o que você realmente quer fazer e como pode realizar isso. Coaches não possuem uma poção mágica de sucesso instantânea, mas têm o conhecimento para ajudar a encontrar os objetivos e definir qual rota será seguida. Ou seja, o sucesso é algo construído gradativamente e não tem relação com o quanto você dispõe para investimentos, se você tem formação em algum curso superior ou não, ele depende unicamente de você.

Em vários trechos dessa caminhada você pode parecer perdido, e é daí que surge uma das principais atividades do seu Coach. A função de te orientar e ajudar a focar no seu objetivo cumprindo as suas metas dentro do seu planejamento. Em uma analogia um pouco nonsense, ele serve como um GPS que tem apenas um destino: O sucesso.

Mas como alguém pode ter todas essas respostas? Como de fato ele pode me ajudar?

Parte II - Clique aqui para ler a continuação desse artigo


Anderson Luiz Coach