Rapport em vendas

06/12/2017

Você se lembra de algum momento em que conversou com alguém e se sentiu muito bem durante aquele diálogo? Consegue recordar de uma conversa com algum amigo, em uma aula ou palestra e até mesmo durante uma venda com o seu cliente, que pode ter durado alguns poucos minutos ou até horas, mas de alguma forma todo o tempo foi bem proveitoso e fez com que a conversa fluísse de uma maneira natural onde a confiança, tranquilidade e harmonia estavam absolutamente presentes? Saiba que nesse episódio muito provavelmente estabeleceu-se Rapport e essa mesma ferramenta pode ser utilizada para ajudar a melhorar ainda mais as suas vendas.

Já falei sobre o Rapport em um artigo publicado anteriormente, então se você ainda não sabe ao certo do que se trata, dê uma conferida clicando aqui.

Agora, se você já conhece bem essa ferramenta e tem a consciência do poder que ela possui, saiba que é possível aumentar consideravelmente as suas vendas e ainda fidelizar clientes com muito mais facilidade.

Basicamente o Rapport é concretizado por meio de alguns passos importantes e que com o tempo podem até se tornar naturais para nós.

Um dos principais cuidados que devemos ter tanto quanto a linguagem verbal que usamos é a linguagem corporal. Ela por muitas vezes pode dizer bem mais do que palavras, contudo no momento da sua conversa para fazer a venda é interessante que haja uma sincronia entre as duas formas de linguagem. Quando os movimentos e expressões se alinham ao diálogo o poder da comunicação é amplificado. Esses sinais vão desde um sorriso, um aperto de mão, expressão com os olhos até a gestos, movimentação do corpo e reprodução dos movimentos do cliente de forma suave.

Para aumentar a interação entre vocês, solicite ajuda para algo de pouca importância e fácil de se fazer para que ele aceite a ajudar. Existem pesquisas que compravam que o ser humano está condicionado a ajudar em pequenos casos de forma natural. A partir do momento em que ele te ajudar, a conexão entre vocês ficará mais forte.

Cliente são pessoas carentes, por isso de nenhuma maneira tente forçar a sua venda impondo sobre o que você acredita que ele precisa. Permita-se ouvir o que ele tem a dizer quanto as suas necessidades. Isso demonstrará que você tem o real interesse em ajudar e não apenas vender, consequentemente vai aumentar a confiança na relação entre vocês.

Ainda nessa questão, deixe a conversa fluir para o rumo em que ele deseja levar. Como eu disse, as pessoas são carentes e querem conversar sobre tudo, então aceite isso, mesmo que a princípio não tenha relação direta com a venda que deseja realizar, pois a partir desse momento ele se sentirá mais acolhido e ficará mais suscetível a interjeições.

Essas e outras dicas são muito bem trabalhadas no curso de Coaching que aborda o Rapport como uma importante e poderosa ferramenta de relacionamento. O Instituto INBRATA oferece capacitações desse sentido que visam a evolução comunicacional e de interação entre cliente e vendedor. A PNL (Programação Neurolinguística) também tem o seu valor nesse momento uma vez que ela trabalha diretamente com áreas das faculdades mentais, trazendo os resultados desejados.

Venha fazer Coaching no INBRATA

@andersonluizcoach!