Mudança de Hábito

04/09/2017

Hábitos são basicamente aquelas ações que fazemos todos os dias, em outras palavras, rotina. Existem os bons hábitos da mesma forma que existem os que não somam nada em nossas vidas, e é sobre eles que precisamos conversar.

A partir do momento em que realizamos algo sem ter a necessidade de pensar sobre o processo em si, estamos no piloto automático do nosso corpo e da mente, sem nos importar com a construção do algo desde que chegue ao seu fim e fazemos isso com naturalidade pois tudo já está em nosso inconsciente. Por fim os hábitos acabam influenciando diretamente todas as nossas decisões e a forma que agimos, consequentemente os nossos comportamentos e a maneira como vivemos.

Como já sabemos, o coaching é provido de várias áreas como a psicologia, filosofia, sociologia, administração, gestão empresarial, gestão de pessoas, programação neurolinguística (PNL), neurociência entre tantas outras e tem o objetivo principal de maximizar os resultados individuais e coletivos por meio de determinadas técnicas.

Ok, mas onde é que o coaching entra em contato na mudança de hábito das pessoas?

Através das perguntas poderosas o coaching consegue fazer com que o coachee entre em um estado de autoconhecimento profundo. Todas as nossas vivências do passado ficam impregnadas em nossas mentes e modelam a maneira de como nós nos comportamos, pensamos e lidamos conosco, com as pessoas, com as situações do dia a dia e precisamos mudar isso.

Depois do momento em que o Coaching entra em ação, todos esses processos são de certa forma iluminados pois ajuda o coachee a reconhecer suas necessidades primárias e a partir disso formular a melhoria dos seus hábitos.

Comprometimento, persistência e foco são palavras-chave para de fato conseguir gerar mudanças significativas. Albert Einstein já dizia: "Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes".


Venha fazer Coach no Inbrata

@andersonluizcoach!